21 julho 2009

O mais longo eclipse solar do século XXI





O fenómeno durará 6 minutos e 39 segundos e será visível do continente Asiático, num acontecimento cuja audiência pode superar récordes.

Os habitantes da Índia, Nepal, Bangladesh, Butão, China e das ilhas Ryukuy no Japão poderão amanhã assistir a um espectáculo memorável. Com efeito, o mais longo eclipse solar do século XXI vai decorrer a 22 de Julho e segundo Richard Binzel, astrónomo do MIT, “pode tornar-se o mais observado em toda a história”.

A lua ocultará o sol sobre o Pacífico durante 6 minutos e 39 segundos, e os habitantes de algumas áreas da China e Japão viverão pouco mais de 6 minutos de escuridão, segundo previsões de Fred Espenak, do Goddard Space Flight Center da NASA e J. Anderson da Royal Astronomical Society do Canadá. A emoção em torno do fenómeno é grande, e prevêm-se grandes aglomerações de pessoas, sobretudo em cidades como Xangai, na China, mas também na Índia e Japão.

O eclipse solar permitirá que a parte mais exterior da atmosfera se torne visível, algo raro uma vez que é um milhão de vezes menos luminosa que o disco solar.
O próximo evento desta magnitude apenas terá lugar a 13 de Junho de 2132.

Fontes: CNN , National Geographic

2 Rebolos:

J.S. Teixeira disse...

José Sócrates diz que "“Ainda está para nascer um primeiro-ministro que faça melhor do que eu”. Novo artigo sobre essas declarações do nosso PM e acerca das propostas do seu "amiguinho do Seixal", Samuel Cruz. Tudo no blogue O Flamingo.

23/7/09 17:52
Rotiv disse...

Grande fenómeno ;)

23/7/09 19:02