04 janeiro 2008

O inesperado aconteceu!

Ele há coisas...
A 30ª edição do Rali Lisboa-Dakar foi cancelada, deixando participantes e público desolados.A organização do Rali Lisboa-Dakar 2008 decidiu cancelar a competição depois de, ontem, o Governo francês ter feito sérios avisos sobre a deslocação dos seus concidadãos à Mauritânia, país para onde estavam previstas várias etapas.

Vive-se uma situação de tensão politica, para além de que o assassinato de quatro turistas franceses, no passado dia 24 de Dezembro, atribuído a um ramo do
Al-Qaeda, no Magreb islâmico, despoletou alguns animos.

Diz-se também que existem ameaças lançadas contra a prova, por movimentos terroristas, e assim sendo parece-me racional a anulação da prova.Agora as Câmaras de Benavente e Portimão exigem indemnizações. E assim se desvanece um evento de dimensão gigante. Nem os votos de paz, tanto aclamados na passagem do ano, lhe valeram!

Saudações Cordiais,

Vizinha

5 Rebolos:

Daisy disse...

E a destruição das dunas?? E toda a poluiçao que o Dakar arrasta consigo??? Quem já pensou nisso... É certo que é uma prova emblemática, o topo dos topos das provas de todo o Terreno, mas terá mesmo de ser feita nos moldes e dimensao que é?? Os povos que assistem, nas suas terras à passagem do Dakar têm algum benefício com isso? ou é mais uma coisa a que se habituaram (tal como à fome) e que suportam???

Penso que estas deviam ser razoes e motivos para se pensar de forma diferente numa prova que terá, com certeza, um orçamento do tamanho do mundo.

Contudo, deixo claro, ameaças terroristas, actos de vandalismos são mesquinhos e sempre de condenar. Fundamentalismo religioso é algo que me repugna, e mais repugna o facto de justificarem com uma religiao a violencia gratuita, o assassinato de inocentes e o espalhar de um clima de insegurança mundial sempre que alguem de renome ou algum acontecimento tem de passar ou interfere com paizes muçulmanos ou com aqueles que (mal ou bem, agora não interessa) deitaram por terra regimes ditatoriais que oprimiam os seus povos...

Cumprimentos

5/1/08 11:23
Vizinha disse...

Daisy,

compreendo que se considere revoltado com o facto de uns terem tanto e outros tão pouco, aliás já foi aqui discutida essa questão algumas vezes. Mas a verdade é q para sempre existirão aqueles que ganham milhões com o "Dakar" e outros q ficam a ver passar (com fome) o "Dakar".

Quanto ao ambiente tem razão mas deixo-lhe a seguinte questão:

"O que faz você pelo ambiente?"

Finalmente, concordo plenamente com a sua opinião no que diz respeito à questão do fundamentalismo religiioso.

Votos de um excelente fim de semana.

5/1/08 20:45
Daisy disse...

Certamente não é este o local para discutir o que cada um faz ou nao pelo ambiente, contudo, posso assegurar-lhe que embora não me conheça, sou defensora activa do meio ambiente, fazendo o que está ao meu alcance para o proteger e incentivar os outros a fazer o mesmo...

Um óptimo e descansado fim de semana, já sem a loucura do Dakar...

5/1/08 21:05
Cadeirão disse...

A sociedade é feita de feio e belo, rico e pobre, poder e opressão ...

O importante será sempre saber conciliar as situações minimizando sempre o exagero e a destruição.

7/1/08 16:55
veni_vidi_scribi disse...

Seguindo o ditado "Quem não deve, não teme", parece que os senhores do Dakar devem alguma coisa a alguém! Lol

Saudações Paulenses

7/1/08 21:35